sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

poemas loucos....


O Mistério do Cemitério


Entre as falas da noite,
confuso esta o incrédulo.
Lamentos diversos contestam
do que um dia foi mistério.
Da nevoa foge sem entender.
Lado a lado com o arrependimento.
Sua própria alma o condena.
Desespero toma conta.
Tropeçando entre túmulos
nega-se a cair em terra.
Colocou em  prova sua coragem.
Distante da saída esta o fugitivo.
Algo da viva noite lhe vem atrás.
De dentro da escuridão se esperou
que o ataque fosse pleno.
Após gritos de morte, que lhe saiu,
em silêncio se pôs pelo resto da noite.
Em passos soltos, a indescritível
retorna à escuridão.
De todos que aqui pisaram,
este adentrou mais profundo
no que um dia lhe foi contado
sobre o mistério do cemitério.

Lúcifer arquetípico


Luz brilhante que com exuberância seduz,
Uma personalidade poderosa é nossa marca,
Condenados somos ao nos rebelar,
Interpretação é a porta para a compreensão
Fraqueza não persiste em quem luta e vence,
Energia sem contraparte não existe,
Rebeldia é a libertação contra a opressão.

Arrependidos não se superam,
Rebanho é o grupo das marionetes,
Q uando os vermes nos atacarem
U niremos nosso poder contra eles.
E staremos prontos para lutar,
T rabalhamos por nossa autonomia,
I niciados na solitária estrada
P ara fazer o que desejarmos.
I nsistimos em destruir o Sistema,
C aímos e nos levantamos,
O rdenamos nossas próprias vidas.

Bom eu to ficando um pouco sem ideias de postagens bom se tiverem ideias so comentarem ok
Aé ja ia me esquecendo quem descobrir uma coisa num dos poemas eu vo da 1 Real

3 comentários:

  1. Será que é as iniciais de LUCIFER ARQUETIPICO em cada linha do ultimo poema? ahahah

    ResponderExcluir
  2. parabensss vai ganha 1 real em barras de ouro que valem mais que dinheiro!!!!!!!hahahhahah

    ResponderExcluir
  3. Oi tudo bem, o dono do blog que diz ter sido transformado pfv eu queria conversar com você pfv!
    Se puder me manda uma solicitação no skype fguimaraes158@hotmail.com

    ResponderExcluir